Concurso policial | várias dicas para quem deseja realizar o sonho de se tornar um policial

Muitos concurseiros resolvem estudar para concurso público com um único objetivo: se tornar policial. Todos nós sabemos que esta é a única maneira de trabalhar para as Polícias Militares, Polícias Civis etc. Esse foi o meu caso. Desde o criança sempre tive o sonho de me tornar um policial e, por isso, resolvi escrever hoje este artigo para você que também deseja fazer concurso policial.

Portanto, meus caros operacionais, neste artigo nós não vamos apenas falar sobre como estudar para concurso policial, mas também vamos falar sobre os seus sonhos e como conquistá-los. Talvez o artigo fique um pouco grande, mas se você seguir todas as minhas dicas tenho certeza de que valerá cada palavra lida.

concurso policial

A saga de quem faz concurso policial

Quem me acompanha aqui no site há algum tempo, sabe que eu sempre estou postando algo relacionado às carreiras policiais. Não é por menos, essa foi a área que me fez desistir de trabalhar na iniciativa privada, largar meu emprego e estudar por três longos anos.

Antes de começar a passar dicas e jogar milhares de informações para vocês quero trabalhar o motivacional – que na minha opinião é o motor do concurseiro policial. Acredito que a motivação é importante e elemento chave para a aprovação, pois antes de ser aprovado é totalmente normal reprovar. Vocês precisam entender que para atingir um sonho, o caminho será cheio de obstáculos, onde você poderá desviar ou simplesmente desistir.

estudar-para-concurso-policialEu costumo dizer que o concurseiro policial deve ser como uma Fenix, sabe. Afinal de contas, o conteúdo a ser estudado é extremamente grande e é necessário alguns anos para a sonhada aprovação. Mas alguns concurseiros não conseguem entender isso, e no primeiro obstáculo desistem ou partem para outra área para trabalhar com coisas que não gostam.

Mas aquele concurseiro que será digno de usar uma farda ou um distintivo é exatamente aquele que leva paulada atrás de paulada, mas nunca desiste. E é exatamente este o espírito que um bom policial deve ter.

Como já foi dito, está área de atuação deveria ser restrita para quem possui um sonho. A maioria daqueles que não tem vocação se perdem no caminho, essa é a verdade.

 Por que vale a pena fazer concurso policial?

Como dito anteriormente, se ser policial é seu sonho, fazer concurso público é a única forma de alcançar seu objetivo. Além disso, o que chama bastante atenção dos concurseiros é a grande quantidade de vagas ofertadas independente do país estar em crise ou não. Os salários, em grande parte dos Estados, também são atrativos apesar de que poderiam ser melhores, visto que a criminalidade aumenta a cada ano no país inteiro.

Não sei dizer em outros Estados, mas aqui no Distrito Federal, por exemplo, os Policiais Militares recebem um salário relativamente bom, além de terem plano de saúde. Ou seja, a carreira é bem valorizada.

A Polícia Federal e a Polícia Rodoviária Federal também possuem um ótimo plano de carreira, salário bom e um status inigualável.

concurso-policial-prf

Quais são as vantagens e os concursos

A área policial possui algumas vantagens que outras áreas não tem, quer ver:

  • As leis de responsabilidade geralmente não atingem a área de segurança. Afinal de contas, uma greve nesta área é capaz de gerar um caos e até mesmo derrubar o governador de um Estado;
  • Cortes em concurso públicos também não atingem as áreas de segurança pelos mesmos motivos citados anteriormente;
  • Quantidade de vagas é enorme pela grande rotatividade de pessoas que entram sem vocação;
  • Concursos são realizado entre 3 e 4 anos no máximo;
  • Num ano tem concurso da Pm, no outro ano concurso da polícia civil, no outro ano Bombeiro e no outro agente penitenciário, ou seja, você não para de estudar.

Independente do Estado em que você more, uma coisa é certa: aí tem PM, PC e Bombeiro – que em alguns casos é integrado à PM. Mas para não poluir muito o artigo, vou colocar ao final do texto os principais concursos que estão abertos e os que estão iminente.

Dicas de como estudar para concurso da área policial

Agora que nós já falamos um pouco sobre a saga para a aprovação, vamos falar do estudo em si. Todo esse texto será baseado na minha experiência como estudante. Foram 3 anos de muita dedicação, estudo e vários testes até achar uma boa técnica até ser aprovado no concurso de Agente Penitenciário.

Matérias básicas

Para você que vai começar a se preparar, é interessante que você comece pelas matérias que eu chamo de básicas para qualquer concurso policial. Para quem pensa que somente as matérias de direito fazem parte dessa lista, está muito enganado. Português, informática e redação podem ser os responsáveis não só entre te deixar entre primeiro e último no número de vagas, mas também entre te deixar dentro ou fora das próximas etapas.

O nível de dificuldade dessas matérias chega a ser de razoável para difícil, mas quando são deixadas de lado a chance de você passar é bem pequena, pois podem chegar a valer cerca de 40% da sua prova.

Como os editais podem varias conforme a banca, eu aconselho que você dê uma lida no edital. Não é necessário se tornar um professor de português, uma boa base já é capaz de alavancar sua nota. Com uma base consolidada nessas matérias, faça muitos exercícios e parta para as matérias relacionadas ao Direito, que são muitas.

O Direito e a área policial

A grande quantidade de questões relacionadas ao Direito é enorme, e não é para menos. Você será um agente da lei, e deve conhecê-la muito bem. Um detalhe interessante é que nas provas atuais não adianta mais ficar decorando macetes como COFIFOMOB (competência, finalidade, forma, motivação e objeto) em direito administrativo. As provas são montadas de uma forma bem mais inteligente e mais difícil.

Geralmente, o edital vem cobrando Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Penal, Processo Penal e Legislação Específica. Lógico que tudo depende da banca, do Estado e do cargo policial.

Por onde estudar para concurso policial?

Essa é uma pergunta que vejo muitos concurseiros fazendo. Afinal de contas, é melhor estudar por apostila, videoaula ou cursinho presencial? A resposta mais óbvia é: depende do que você gosta. Mas como eu prometi dar os detalhes da minha forma de estudar, vamos lá. Vou começar pela apostila.

Apostila

Eu, particularmente, nunca gostei de apostilas. Sempre achei o conteúdo muito razo e, algumas vezes, com erros grosseiros. Sem falar quando a apostila foi escrita muito antes do edital e está totalmente desatualizada, mas ainda continua sendo vendida. Pois é, acontece.

Por que odeio cursinho presencial

Já que é pra falar sobre o que eu não gosto, vou falar logo sobre os cursinhos presenciais. Pois é, eu detesto os cursos presenciais. Tenho ódio mortal mesmo. São vários os motivos, mas vou listar só alguns:

  • O pior defeito é a falta de compromisso do cursinho. Às vezes você sai do trabalho cansado direto para o cursinho e quando chega lá uma surpresa, o professor não pode ir e não vai ter aula. Mas ninguém te liga ou manda um simples e-mail para dizer que não vai ter aula.

Você pode até dizer que eu posso ter dado azar em escolher um cursinho ruim, mas eu estudei por vários cursinhos de Brasília e todos eram desorganizados.

  • Não é incomum você já estar em um nível maior que o do seu professor.
  • Se você estiver começando a estudar, você pode ter muitas dúvidas. E é quase impossível tirar todas as dúvidas enquanto o professor está passando a matéria. Você vai ser visto como aquele cara chato que para a aula a todo minuto.
cursinho-presencial
como me sinto fazendo cursinho presencial

Cursinho online

Exatamente por causa desse último motivo para não estudar por curso presencial que eu sempre gostei de estudar por cursinhos online. Se você tiver alguma dúvida, você pode parar o vídeo e assistir 1 bilhão de vezes até aprender, sem atrapalhar ninguém e sem ser atrapalhado. Não precisa de estressar pegando ônibus para ir até o cursinho, afinal de contas você pode estudar no sossego da sua casa. Sua casa não é sossegada? Não importa, vá até uma biblioteca.

Aqui em casa, eu moro com minha esposa e meu filho de 3 anos. Já dá pra ver que é difícil estudar, e é mesmo. Mas eu fiz um acordo com eles: montei um local como se fosse meu escritório, e quando estou aqui ninguém me incomoda a não ser que seja caso de vida ou morte (risos). Sei das minhas obrigações como pai e como marido, por isso sempre dou atenção a todos, mas meu tempo é meu tempo.

Sobre o cursinho online, estudei por vários. Gastei muito dinheiro com cursos lixo, mas era um risco que eu fazia sabendo que um dia acharia algo que me fizesse ser aprovado. Eu sempre digo isso aqui no site: se você não investir seu tempo e seu dinheiro em estudo, você não vai passar em concurso NUNCA.

Ainda sobre os cursinhos para concurso policial, o meu primeiro contato foi com o Alfa Concursos. Na minha opinião é um dos melhores para quem está aprendendo, e quando se fala em concurso policial é um dos mais conhecidos. Mas conforme fui melhorando meus métodos de estudos, vi que precisava de algo mais aprofundado.

aulao-carreiras-policiais-estrategia

rateios

Foi aí que fiz a besteira de participar de grupos de rateio. Gente, esse assunto é muito sério, principalmente para quem faz concursos em que tem fase de investigação social. Meu primeiro problema com rateio veio quando eu comprei um curso e recebi só 5 aulas. Perdi meu dinheiro! Participei de outros rateios e cheguei a uma conclusão: você nunca vai receber o curso completo, NUNCA.

Semana passada li uma matéria do G1 onde vários candidatos de um concurso, que tinha investigação de vida pregressa, foram reprovados nessa etapa por causa de compartilhamento de material na internet. Participaram de grupos de rateio no facebook e ficou comprovado que eles compraram, compartilharam ou venderam material e caíram na pirataria. Não sei qual foi o desfecho desse caso. É bem provável que entraram com Mandado de segurança, mas só aí já é uma dor de cabeça enorme.

rateio-é-crime

Enfim, depois de muito procurar finalmente conheci o Curso do Estratégia Concursos. Na minha opinião é o melhor curso para concurso policial tanto para quem está começando a estudar quanto para quem já está em um nível melhor.

Eu gostei do Estratégia porque você tem um material super completo em PDF e videoaulas. Os PDFs vem com muitos exercícios, assim você não perde tempo procurando questões, além de não precisar pagar sites para responder questões. Além disso, você pode fazer o download do material e imprimir os PDFs. Para quem gosta de estudar em bibliotecas e, às vezes, não tem wi-fi já é uma grande ajuda ter tudo offline.

Plano de estudos para concurso policial

Agora que você já sabe quais matérias tem que estudar e onde vai estudar, você precisa montar um bom plano de estudos. Isso faz parte da sua tática de preparação. O plano de estudos vai ser como uma trilha onde você deve seguir para ser aprovado em um concurso policial. Se você seguir seu plano de estudos à risca, as chances de ser aprovado são enormes.

Plano-de-estudos-tradicional

Por muito tempo eu estudei por aquele plano de estudos convencional, onde você faz uma tabela e coloca a matéria, o horário e os dias da semana (como esse da imagem). Até que um certo dia eu conheci o ciclo de estudos do professor Alexandre Meirelles.

No meu caso, o ciclo deu muito certo e por isso sempre aconselho. Esse tema é tão importante para a aprovação no concurso que eu escrevi dois artigos somente sobre o Plano de Estudos. Eu aconselho que você dê uma lida. O primeiro é sobre como fazer um Plano de Estudos, o segundo artigo é sobre como montar o ciclo de estudos.

Exercícios

Eu sempre falo da importância de se fazer exercícios quando se trata de qualquer concurso que seja. Um fato que está ao favor de quem faz concurso policial é a facilidade de se achar questões dos mais diversos níveis de dificuldade e de várias organizadoras. Em sites como o QConcursos por exemplo, é possível resolver milhares de questões de várias bancas.

Resolver exercícios ajuda na fixação da matéria estudada, além de fazer com que você pegue o estilo que é cobrado pela banca do seu concurso.

Já fiz tudo isso e nunca passei. Por quê?

Eu costumo dizer que essas dicas que eu passei são uma forma de iniciar os seus estudos. Seguindo esses passos já é possível passar em algum concurso policial. Mas, mesmo assim, existem outros métodos que são bem específicos para passar em grandes concursos como Polícia Federal e PRF de forma mais rápida.

Algumas pessoas não acreditam nessas técnicas e métodos que encontramos na internet. Eu vou te falar uma coisa: eu também não acreditava, até o dia em que eu resolvi comprar um curso de memorização.

Na minha opinião, o maior problema desse pessoal que vende cursos que prometem ajudar na preparação é eles quererem enfiar goela abaixo que seu produto é o melhor do mercado e que faz milagre. Gente, nenhum produto, curso ou remédio vai fazer você melhorar seus métodos de estudos se você não se esforçar. Mas, ao contrário do que muitos pensam existe muito curso bom sim no mercado.

Eu vou listar dois cursos que me ajudaram bastante a melhorar minha técnica de estudo. Inclusive por causa de um deles, eu consegui a aprovação em dois concursos aqui em Brasília estudando 6 meses para o primeiro e apenas 2 meses para o segundo. Vamos aos cursos:

Manual da aprovação

Esse livro “Manual da Aprovação” já é bem conhecido por quem participa sempre aqui do grupo. Quase todo artigo que escrevo eu falo sobre ele. Esse manual não foi escrito por mim, nem nada disso. Eu o indico por ser muito bom e por ter me ajudado bastante.

Esse Ebook Manual da Aprovação, foi escrito pelo Guilherme Silveira. Depois que eu comprei esse livro, eu tive que virar amigo desse cara, mesmo que pelo facebook.

Esse livro abriu minha mente e mudou minha forma de estudar para concurso policial. Não é conversinha, não. Eu adicionei o Guilherme como amigo no face só pra agradecer pelas dicas que ele dá no livro, daí viramos grandes amigos e estamos sempre ajudando um ao outro com dicas de estudos.

Se você tiver interesse em conhecer o livro, eu até escrevi um artigo aqui no site somente sobre ele. É só dar uma olhada aqui → COMO O MANUAL DA APROVAÇÃO ME AJUDOU A PASSAR EM CONCURSO. Você também pode ir direto pra página do Manual. Eu pedi ao Guilherme, e ele me enviou um cupom com 80% de desconto só pro pessoal aqui do site só CLICAR AQUI. É dinheiro de pinga convertido em aprendizagem (risos).

Eu não vou me alongar muito sobre esse Manual pra não deixar esse texto maior. Além disso, tanto no artigo que eu escrevi quanto na página do Guilherme você pode tirar suas dúvidas. Com esse desconto dado pelo Guilherme para nós do site o Manual fica muito barato. Caso você não tenha dinheiro, faça um sacrifício, pois vale a pena. Mas se você quiser escolher entre esses dois cursos, escolha o próximo. Veja por que:

Curso Leitura Dinâmica e Memorização

Então, para quem não sabe eu não sou formado em direito. Minha formação é em jornalismo. Certa vez, durante a faculdade, o meu professor de investigação jornalística comentou sobre uma tal de leitura dinâmica. Passei anos e anos procurando um curso que ensinasse a fazer leitura dinâmica para que eu pudesse otimizar meu tempo, pois eu percebia que eu não utilizava meu tempo da forma correta quando ia ler.

Foi aí que eu conheci esse curso de Leitura Dinâmica e Memorização do Sandro Gonçalves. O curso é composto por vídeos e PDFs e é bem completo. Ele fez um favor de me enviar uma aula grátis para disponibilizar aqui pra vocês conhecerem.

As técnicas são bem legais e no começo é mesmo bem difícil, mas foi graças a esse curso que eu consegui uma aprovação estudando apenas 2 meses para um concurso aqui de Brasília. Se você se interessou, basta acessar a página do Sandro no banner abaixo. Eu também consegui um desconto com o Sandro e o curso está R$100,00 mais barato.

veja mais1

Basta clicar aí no “Saiba Mais” ou AQUI que você será redirecionado até a página do Sandro. O preço normal do curso é de R$197,00 (preço que paguei na época) mas pra quem for por estes link que disponibilizei vai pagar apenas R$97,00 e você pode parcelar em várias vezes.

Passado essas dicas para ser aprovado na prova objetiva do concurso policial, vamos para os testes físicos.

Teste de aptidão física para concurso policial

A melhor dica em relação ao TAF é: se prepare para esse teste enquanto ainda estuda para a prova objetiva. Gente, é muito triste ver alguém que se dedicou meses ou até anos para passar na prova objetiva de um concurso policial ser reprovado no TAF por não ter se preparado direito.

Eu não vou me alongar muito nesse tema aqui nesse artigo, pois eu acho esse assunto tão importante que escrevi um artigo específico somente sobre isso, e você pode dar uma lida aqui –> DICAS MATADORAS PARA SER APROVADO EM QUALQUER TESTE DE APTIDÃO FÍSICA.

Relembre

Nesse artigo, você viu:

atençãoCLIQUE AQUI E VEJA OS CONCURSOS DA ÁREA POLICIAL QUE ESTÃO COM O EDITAL ABERTO E OUTROS QUE ESTÃO EM FASE IMINENTE

 

Concurso policial | várias dicas para quem deseja realizar o sonho de se tornar um policial
Avalie este artigo!
  • Diego Aquino

    Nossa cara. Nem sei como agradecer.. Em meio a tanta coisa ruim que a gente acha na internet esse artigo veio pra dar uma luz e me ajudar a estudar pra concurso policial.
    Muito obrigado mesmo. Rumo a PRF

    • Concurseiro da Madrugada

      Fico muito feliz em poder ajudar. Resolvi passar essas dicas para estudar pra concurso policial pq elas também me ajudaram bastante. Boa sorte na caminhada

  • Shyrley

    Acabei de achar por um acaso esse site, estava precisando de algo para me motivar . Quero e vou ser policial é meu sonho, mas fiquei meio preocupada com relação ao que disse sobre os rateios . Eu já comprei muito curso original, mas depois que eu conheci uns grupos de rateios comecei a adquirir material assim . Espero sinceramente que não atrapalhe meu sonho, sei que preciso de materiais e no momento não tenho como adquirir originais por ter valores para mim no momento altos . Ando meio sem saber por onde e como estudar, já fiz vários cronogramas e hoje não consigo mais assistir vídeos aulas, ler pdf . Optei por fazer questões de concurso , mas tem hora que bate uma insegurança . Tenho vários cadernos com muitas anotações, leio, releio e sempre acho que está faltando algo para minha aprovação . Já tentei Pf, PRF , pcdf e não desistirei até conseguir assumir um cargo policial .

    • Concurseiro da Madrugada

      Shyrley, em relação a estar perdida, eu sei como é isso. Também já passei por essa mesma fase. Geralmente isso acontece quando a gente já estuda há bastante tempo e ainda não passou em nenhum concurso. No meu caso, eu percebi que apesar de estudar muito, eu estava estudando errado. Então esse era o meu problema: faltava uma estratégia de estudos. Por isso, eu sempre indico esse Manual da Aprovação. Foi por causa dele que eu comecei a estudar do jeito certo e comecei a passar em concursos. Às vezes vale o investimento. Então se você tiver condições tente adquirir esse Manual que está no texto.
      Uma outras dica, é que você pare de usar cronograma e tente estudar por Ciclos de Estudos. Eu vou deixar o link do nosso canal no youtube onde você pode ver o vídeo que nosso colaborador fez falando sobre como funciona o Ciclo de Estudos. Lá ele ainda deixa um link pra quem quiser baixar o Ciclo de graça. https://www.youtube.com/watch?v=TUOnHbQibeo

  • Sophia Laura

    Amigo, já venho estudando para concurso policial há bastante tempo e nunca vi tantos concursos abertos assim. Vários Estados reforçando seu quadro de segurança. Como meu sonho é ser PRF, com certeza vou utilizar todas essas dicas que você dá para quem vai estudar para concurso policial. Sobre esse curso de memorização, to pensando em comprar. Já vi muitas pessoas falando bem desse tal de Sandro Gonçalves. Sabe se eu consigo alguma amostra de teste do material dele pra eu decidir se vale a pena comprar ou não?