Concurso do Senado – Uma Análise Completa

(Texto escrito pelo professor Carlos Xavier) Resolvi escrever este artigo para falar um pouco mais sobre o tão aguardado concurso Senado 2016-2017. Trata-se de um concurso de âmbito nacional, aplicado em todas as capitais do país, e com as melhores remunerações do setor público Brasileiro – vale muito a pena se preparar!

Quem me conhece já sabe que eu fui aprovado no último concurso do senado (2012), e já estou trabalhando lá há cerca de 2 anos. Sei que existem várias dúvidas, em especial sobre o número de vagas disponíveis e a remuneração, que esclarecerei nos próximos parágrafos.

Antes de iniciar, saiba que o Estratégia Concursos está disponibilizando, gratuitamente, uma série de conteúdos específicos pra quem está estudando pra Câmara e Senado. Clique aqui.

concurso senado

Concurso Senado – número de vagas.

Primeira coisa: o número de vagas é grande, mas o número de nomeados é muito maior. Veja que, no último concurso (2012), o número de vagas x o número de candidatos nomeados dos principais cargos foi o seguinte:

  • Analista – Área Administrativa: 30 vagas x 80 nomeados
  • Analista – Processo Legislativo: 40 vagas x 72 nomeados
  • Técnico – Administração: 20 vagas x 40 nomeados
  • Técnico – Processo Legislativo: 25 vagas x 45 nomeados
  • Policial Legislativo:  25 vagas x 68 nomeados

Note que, em todos os cargos, o número de candidatos nomeados foi muito maior do que o número de vagas originalmente prevista no Edital. Tudo isso num contexto de contenção de gastos com pessoal mostra apenas o quanto o Senado Federal estava precisando de pessoal.

O que muitos não sabem é que o concurso do senado 2012 não supriu nem a necessidade de pessoal que havia na época de sua realização! Além disso, muitas novas vagas surgiram como resultado de uma grande leva de aposentadorias que (ainda) está em curso. Olhem só o número de vagas disponíveis no Senado Federal para preenchimento em um novo concurso do senado (em 12/03/2016):

  • Analista – Área Administrativa: 59 vagas x 181 servidores ativos
  • Analista – Processo Legislativo: 251 vagas x 239 servidores ativos
  • Técnico – Administração: 107 vagas x 303 servidores ativos
  • Técnico – Processo Legislativo: 183 vagas x 267 servidores ativos
  • Policial Legislativo:  113 vagas x 247 servidores ativos

Como poderão ser dispostas as vagas?

Muitos me perguntam: – Carlos, você acha que o número de vagas para Processo Legislativo vai ser muito maior do que para Administração? R.: NÃO! O número de vagas de administração tem tradição de ser preenchido quase que em sua totalidade (principalmente para analistas!), enquanto o número de vagas de processo legislativo não, sabe porque? Porque o número de vagas existentes no quadro de pessoal de processo legislativo é muito maior, mas com a automação do processo nas últimas décadas o número de servidores necessários já não é tão grande.

Minha aposta é que um novo concurso do senado terá a distribuição por vagas mais ou menos equilibrada entre os cargos apontados acima, da mesma forma que o concurso do senado anterior, só que com mais vagas ainda! Imagino um concurso com mais de 50 vagas em cada cargo, e mais de 100 convocados em todos eles, pois além das vagas já disponíveis, a previsão de aposentadorias é enorme.

Vejam a previsão de aposentadorias nos principais cargos para até o final de 2016 (prazo estimado para um novo concurso do senado) e até o final de 2019 (provável validade do concurso), conforme previsto pelo RH do Senado em 12/03/2016. Aponto ainda, ao final, o número total de vagas que haverá no final de 2019, somando-se as vagas atuais com as aposentadorias previstas

Aposentadorias previstas   –   Vagas em 2019

  • Analista – Área Administrativa: 40 (até fim 2016) / 87 (até 2019) = 146 vagas em 2019.
  • Analista – Processo Legislativo: 47 (até fim 2016) / 78 (até 2019) = 329 vagam em 2019.
  • Técnico – Administração: 53 (até fim 2016) / 153 (até 2019) = 260 vagas em 2019.
  • Técnico – Processo Legislativo: 48 (até fim 2016) / 121 (até 2019)= 304 vagas em 2019.
  • Policial Legislativo:  30 (até fim 2016) / 59 (até 2019) = 172 vagas em 2019.

Percebam que o número de vagas prováveis para convocação no concurso senado 2016 / 2017 é imensa, uma oportunidade única de estudar para um concurso excepcional!

É importante destacar ainda que os cargos de analista que apontei possuem como requisito formação superior em qualquer área, e os cargos de técnico pedem formação de nível médio! Alguns podem se perguntar: – e os salários para os aprovados no concurso senado são de quanto?!

Vou responder agora:

Concurso do Senado – Salários

O salário do Senado é composto por um vencimento básico acrescido de várias gratificações. No total, os salários são os seguintes no início e final de carreira (valores em 12/03/2016):

  • Analista – Área Administrativa: R$21.347,00 (inicial) – R$24.194,48 (final)
  • Analista – Processo Legislativo: R$21.347,00 (inicial) – R$24.194,48 (final)
  • Técnico – Administração: R$16.014,16 (inicial) – R$19.173,75 (final)
  • Técnico – Processo Legislativo: R$16.014,16 (inicial) – R$19.173,75 (final)
  • Policial Legislativo:  Salário de técnico + gratificações de atividade policial, atividade noturna, etc.

Esses valores não incluem eventuais funções ocupadas, o “vale alimentação”, adicional de qualificação ou outros adicionais, como auxílio-creche para quem tem filhos, por exemplo. A remuneração de todos os cargos pode passar de R$25.000 por mês, já no começo da carreira. É preciso se preparar desde já!

Concurso do Senado – Como Estudar

Para conseguir passar no concurso senado só tem dois segredos: 1) estudar muito; 2) estudar pelo material certo.

Espera-se que o concurso tenha um número de vagas muito grande e a remuneração excepcional. Com a aplicação em todo o Brasil a expectativa é que a concorrência seja muito grande! Recomendo que comece a estudar desde já, ao menos 10 horas por semana, dividida em vários dias e várias matérias. Nesse momento, não é o momento de “enlouquecer”, para não desanimar mais na frente. Agora, quando o Edital sair, prepare-se para estudar o máximo possível, abandonar sua vida social e sua família por uns 3 meses. É por uma boa causa, pois depois que for aprovado(a) no concurso senado poderá curtir tudo isso com mais tranquilidade!

Com que material estudar para o concurso senado?

Vale a pena sair comprando dezenas de livros para estudar para o concurso? R.: Não!

O melhor que você tem a fazer é procurar um material de qualidade, focado no concurso, que aborde as teorias necessárias e também questões para praticar. Melhor ainda se você puder estudar por vários meios: texto para ler, exercícios para praticar, videoaulas para assistir, áudio para ouvir no caminho para o trabalho, etc. Assim, você mantem o ritmo de estudos sem cansar tanto.

Foi pensando nisso que desenvolvemos os nossos cursos para o concurso senado: uma preparação completa e multimídia para você ter a melhor chance de aprovação nesse importante concurso. Se quiser conhecer, veja nossas aulas demonstrativas gratuitas e nossos Cursos para Concurso do Senado Federal aqui.

 

Fonte: Professor Carlos Xavier

 

 

Avalie este artigo!
  • Douglas

    Olá, sabe me dizer se todos os servidores ficam lotados em Brasilia ?

    • Concurseiro da Madrugada

      Sim. Vão trabalhar dentro do Senado.

  • Gabriela

    Olá,

    Sabem se sai para gráfica também? Tenho visto comentários apenas de legislativo, administrativo e policial.

    Obrigada

    • Concurseiro da Madrugada

      Gabriela, infelizmente vou ficar te devendo essa informação. Só quando o edital do Senado sair que nós vamos saber os cargos. 🙂

  • Rafael

    Gostei do texto. Espero ansioso esse concurso do SEnado.